ALL começará testes no terminal intermodal

A empresa ainda não confirmou a data de inauguração do complexo de Rondonópolis

A empresa ainda não confirmou a data de inauguração do complexo de Rondonópolis

Após a confirmação da obtenção da Licença de Operação (LO) do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a América Latina Logística (ALL) informou, por meio de nota, que irá iniciar uma fase de teste no Terminal Intermodal de Rondonópolis e que espera estar operando em plena capacidade até meados de setembro. A empresa ainda não confirmou a data de inauguração.

“A companhia iniciará a fase de testes no novo trecho – de Itiquira até Rondonópolis – e realizará o primeiro carregamento ferroviário no Complexo de Rondonópolis. Os volumes transportados devem crescer gradativamente e estima-se que no decorrer de setembro o novo trecho já esteja operando dentro de sua capacidade regular”, segue a nota divulgada pela ALL.

Anteontem (5), o governo do estado havia confirmado que a ALL obteve a LO do Ibama para operar o Terminal Intermodal de Rondonópolis. No entanto, o prefeito Percival Muniz destacou à reportagem do jornal A TRIBUNA que ainda há algumas pendências para resolver com a empresa, mas que a situação deverá ser definida na próxima semana.

Conforme dados da assessoria de imprensa da ALL, o Complexo Intermodal de Rondonópolis (CIR), um empreendimento da ALL com investimentos de R$ 700 milhões, será o maior do Brasil. A obra ocupará 400 hectares e irá disponibilizar, numa área de 230 mil metros quadrados, um centro comercial, pátio para estacionamento de caminhões e um posto de abastecimento.  No Centro Comercial está prevista a construção de um Shopping Center para atender tanto caminhoneiros como a população da região de Rondonópolis, além de contar com lojas comerciais e de serviços (bancos, farmácias, mercados, chaveiros, copiadoras), praça de alimentação, setor de serviços públicos e um hotel.

O posto de abastecimento comporta circulação de 1,5 mil caminhões por dia, oferecendo serviços de borracharia, oficina e conveniência. O pátio de estacionamento, com área de 162 mil metros quadrados, terá em sua operação uma pré-triagem dos caminhões para facilitar entrada e saída de caminhões e de pessoas, além de possuir em sua infraestrutura, áreas de apoio para motoristas com banheiros equipados com áreas de banho e uma área de refeitório.

Com toda essa estrutura, o CIR irá gerar 3 mil vagas de trabalho. A capacidade de carga será de 120 vagões em seis horas, com operações independentes de carga e descarga e um sistema duplo de carregamento ferroviário, permitindo o embarque simultâneo de dois trens com produtos diferentes. Os dois terminais, de Itiquira e Rondonópolis, deverão carregar até 15 milhões de toneladas por ano até 2015.

Fonte: Danielly Tonin

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s